Exportações do setor moveleiro crescem 50,2% em 2021

Exportações do setor moveleiro crescem 50,2% em 2021

As exportações do setor moveleiro tiveram saldo positivo em 2021 de acordo com as projeções do Monitoramento das Exportações de Móveis da Associação Brasileira das Indústrias do Mobiliário (Abimóvel), levantados pelo Inteligência de Mercado (Iemi). 

Os dados apontam que as exportações do setor moveleiro foram acima dos 50,2% em 2021, o que gerou impacto positivo em todo o mercado e torna a indústria moveleira cada vez mais competitiva a nível global. Apesar disso, vale destacar que o mercado doméstico ainda é o principal destino do mobiliário produzido no país. 

Segundo a projeção, em volume, o salto foi de 50,2% no montante exportado entre janeiro e dezembro de 2021 em relação a 2020. Estima-se que a receita total foi de US$ 887,77 milhões (FOB) em produtos exportados pelo setor moveleiro.  

Móveis de madeira, estofados, colchões e móveis de metal foram os principais produtos exportados pela indústria brasileira. Já os Estados Unidos se consagraram como o grande mercado importador de mobiliários do Brasil, representando cerca de 35% das exportações nacionais. 

Entre 2015 e 2021, o acumulado já ultrapassou os 200%. A expectativa é que os próximos dois anos sejam de crescimento no número de exportações de móveis e colchões. Segundo a Abimóvel, a projeção é que as exportações do setor cresçam 6,05% em 2022 e 8,65% em 2023.  

Fonte: Emobile 

+ Notícias

Curta e compartilhe!

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
WhatsApp
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support