Superação e empatia: conheça a história de João Paulo, escolhido do Marcenaria do Bem

Superação e empatia: conheça a história de João Paulo, escolhido do Marcenaria do Bem

Apesar de trabalhar em uma empresa do setor moveleiro, João Paulo não tinha móveis em sua casa. Após ter sua carta escolhida pelo Marcenaria do Bem, agora ele ganhará um guarda-roupas e um armário 

 

O Leo Social tem o propósito de promover a inclusão por meio do trabalho e moradia digna de forma sustentável. Trabalhamos baseados em três pilares – Capacitar, Conectar e Cuidar – para atingir esse objetivo. Para isso, realizamos alguns projetos como o Marcenaria do Bem. 

O Marcenaria do Bem nasce como parte do projeto de formação de nosso principal curso, o Meio Oficial de Marcenaria, no qual nossos alunos criam um móvel que será doado a um “cliente”, que pode ser instituições sociais ou famílias em situação de vulnerabilidade.  

Mais uma turma do curso de Meio Oficial de Marcenaria se forma agora no início de junho de 2021. Com isso, um novo Marcenaria do Bem está em andamento. A escolha do “cliente” para os formandos desta vez veio direto da Central de Serviços da Leo Madeiras, que empresa mantenedora do Leo Social. 

A carta

Foto: Esta foi a carta escrita por João Paulo que acabou sendo escolhida para o Marcenaria do Bem

Distribuímos folhas para que os funcionários desse setor pudessem escrever uma carta contando o porquê mereciam ganhar um móvel dos alunos do Leo Social. Entre tantas cartas entregues pelos funcionários da Central de Serviços, o comitê institucional do Leo Social escolheu a de João Paulo Moreira de Moura. Ele tem 22 anos e trabalha como Auxiliar de Produção na Central de Serviços da Leo Madeiras há 5 meses.

“Minha história começa… na verdade não vou contar uma história, vou contar a minha realidade. Eu gostaria de ganhar esse móvel porque na minha casa eu não tenho nenhum móvel, não tenho armário, não tenho guarda-roupa. Eu só tenho uma cama e uma sapateira, onde eu guardo minhas roupas, é assim que começa o texto escrito por João.

Foto: Por não ter um guarda-roupas, João guardava suas roupas e pertences em caixas

Ao longo da carta, João Paulo conta um pouco da sua história de vida e de como necessitava ser o escolhido para ganhar o móvel. No relato, por exemplo, ele afirma que guarda panelas em caixas de papelão por não ter um armário 

A realidade da família

João Paulo mora de aluguel em uma casa no Jardim Robru, zona leste de São Paulo, se casa neste mês com sua noiva, Taynara, e além disso cuida de seu sobrinho, Pyettro, que considera como filho adotivo.

“Fiquei com ele [Pyettro] porque ele ficava com a minha mãe, pois a minha irmã não tem condições de criar devido às drogas. Mas a minha mãe faleceu em setembro do ano passado e eu fiquei com Pyettro. Ele é meu sobrinhomas cuido como pai”, explica. 

Um fato que chama atenção é o fato de João Paulo trabalhar em uma empresa do setor moveleiro e não ter móveis em casa. Ele conta um pouco sobre isso: “Não tenho muitas condições por pagar aluguelter uma criança para criar e ter uma noiva que vou casar esse mês. São muitas coisas.

João Paulo lembra da oportunidade que teve ao contar sua realidade por meio da carta para o Marcenaria do Bem“Eu pensei ‘vou fazer essa carta porque eu estou precisando muito e se eu ganhar já vai me ajudar muito’. Então fiz a carta”. 

Foto: João e sua família/Arquivo pessoal

A felicidade de ter sido escolhido

O jovem relata ainda como foi receber a notícia de que sua carta foi a escolhida e de que ganharia um móvel feito pelos alunos do curso de Meio Oficial de Marcenaria.

Falei sério que eu ganhei?’ e agradeci muito a Deus pela oportunidade”, exalta. João Paulo admite estar super ansioso para receber o móvel, um guarda-roupas, já em desenvolvimento pelos alunos do Leo Social. Além disso, também doaremos um armário feito no curso de Montador Sob Medida. 

Foto: Tímido para fotos, João Paulo agora aguarda a montagem dos móveis em sua nova casa

As novidades para João Paulo e sua família não param por aí. No dia 6 de junho, ele se mudou para uma nova casa. “Essa casa vai me ajudar muito pelo fato de ser maior, porque vou me casar e já tenho uma criança“, detalha.

As expectativas de João Paulo para o que vem a seguir são as melhores. Ele reitera o desejo de casar com Taynarade ter sua família feliz e também de planejar planos para o futuro.

Além disso, ele deixa uma mensagem inspiradora: “Insista, persista e nunca desista, porque quem quer correr atrás. É só ter um objetivo e ir pra cima. A esperança é a última que morre”. 

Cursos da Escola da Marcenaria

Por meio da Escola da Marcenaria, o Leo Social oferece cursos como o Meio Oficial de Marcenaria e o de Montador Sob Medida. Conheça nossos cursos (clique aqui) e nos acompanhe aqui no site e nas redes sociais para ficar por dentro de todas as nossas ações de capacitação, conexão e cuidado.

+ Notícias

Curta e compartilhe!

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
WhatsApp
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support