Marcenaria e segurança: tipos de extintores de incêndio

Marcenaria e segurança: tipos de extintores de incêndio

Ao abrir um negócio que envolva equipamentos elétricos, líquidos ou outros materiais inflamáveis, é necessário tomar algumas ações de segurança. E quando falamos em marcenaria, é imprescindível discutir e entender esse tema.   

A marcenaria é um ambiente cercado de materiais que, em caso de algum acidente, podem causar incêndios. Madeira, MDF, máquinas elétricas e químicos são materiais inflamáveis, por isso é preciso que sua marcenaria tenha equipamentos de segurança e combate a incêndio, como extintores.  

Extintores são equipamentos de segurança que têm como objetivo extinguir ou controlar princípios de incêndios em casos de emergência. Existem diversos tipos de extintores e cada um combate os mais variados materiais e classes de incêndio.  

Tipos de extintores

Os extintores mais comuns para uso em marcenarias costumam ser o de água pressurizada, CO² e de pó químico. Saiba mais sobre esses e outros tipos de extintor: 

Extintor com água pressurizada 

Esse extintor é indicado para incêndios de classe A, ou seja, combate papel, tecido, plástico, papelão, borrachas, estofamento, fibras orgânicas, materiais sólidos em geral e peças de madeira. 

Esse extintor é a combinação de água com gás propulsor (nitrogênio) e age por meio de resfriamento e abafamento do material. Jamais utilize esse extintor em incêndios que envolvam equipamentos elétricos ou materiais reativos, pois pode agravar a situação.  

Extintor de CO² 

O extintor de dióxido de carbono (CO²) é indicado para incêndios de classe C, isto é, equipamentos elétricos energizados. Além disso, também pode ser usado em incêndios de classes A e B.  

O dióxido de carbono não conduz eletricidade, por isso sua eficiência em conter incêndios dessa classe. O extintor de CO² age com o abafamento das chamas, seguido do resfriamento. Após sua utilização, é recomendado deixar o local até que o gás se espalhar, já que o dióxido é uma substância tóxica e pode causar asfixia.  

Extintor de pó químico 

O extintor de Fosfato Monoamônico, conhecido também como extintor de pó químico, é indicado para controlar incêndios que se dão em ambientes industriais, comerciais e em residências, ou seja, pode ser utilizado em incêndios das classes A, B e C. 

Ele abafa a reação em cadeia e controla o fogo em incêndios que são causados por gases e líquidos inflamáveis, impedindo o fogo de se alastrar.   

Outros tipos  

Além desses, existem outros tipos de extintores, como o extintor de Bicarbonato de Sódio (para classes B e C), extintor de Espuma Mecânica (para classes A e B), extintor de NAF (para classes A, B e C), extintor com pó químico especial (para classe D) e extintor de Acetato de Potássio (para classe K). 

Informações importantes sobre extintores 

Os locais onde os extintores estão posicionados devem ser assinalados por uma seta vermelha com bordas amarelas ou por um grande círculo vermelho. Um quadrado com 1m x 1m deve ser pintado abaixo do extintor de incêndio e o local não deve ser obstruído.  

Vale lembrar que os extintores não devem ser encobertos por placas de madeira ou outros materiais. Também não se deve posicionar extintores em escadas ou áreas externas do ambiente de trabalho.  

A parte superior do extintor deve estar a uma altura de mais de 1,60m do chão. Já os extintores sobre rodas devem ter livre acesso a todos os pontos da marcenaria 

Mais medidas de segurança 

Agora que você já sabe quais os tipos de extintor que você deve ter na marcenaria, é preciso adotar outras medidas de segurança. 

  • Sua marcenaria deve instalar sistemas de detecção de incêndio. Hoje existem modelos automáticos, que disparam o alarme sonoro quando há algum sinal de fumaça nas instalações.  
  • Além disso, é possível ter sistemas que iniciem ações de combate, como sprinklers e centrais de gás carbônico (CO²). 
  • Também é necessário que sua marcenaria tenha saídas de emergência, que permitam a todos os funcionários saírem do local com rapidez e segurança em casos de emergência.   

Em caso de dúvidas relativas a essas medidas de segurança e prevenção a incêndios, consulte órgãos oficiais, como o Corpo de Bombeiros, Cetesb, prefeitura da sua cidade, etc.

+ Notícias

Curta e compartilhe!

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
WhatsApp
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support